PESQUISE NO SITE
Biografia
Nossa Causa
Notícias
Projetos
Comissões
Agenda
Eventos
Conquistas
Sala de Imprensa
Na Mídia
Fala, Ana Rita
Artigos
Antes X Depois
Com a Palavra...
Áudios
Links
Denuncie
Downloads
Contato

 
Notícias     Imprimir

Mudança pelos animais27/02/2017 22:37
Mudança pelos animais
Protetores comemoram oito carnavais sem o uso de animais e carroças na Mudança do Garcia

Assessoria 1 comentário          

A Mudança do Garcia, tradicional desfile de blocos populares que acontece todas as segundas-feiras de carnaval em Salvador, tem sido mais um exemplo de que a tradição pode sobreviver ao lado da vanguarda. Este ano, protetores de animais comemoraram oito anos sem o uso de cavalos e jegues no desfile. 

A responsável pela quebra de paradigma foi a vereadora e ativista Ana Rita Tavares (PMB). Como na Lavagem do Bonfim, onde interrompeu a prática do uso de carroças em curso há 122 anos, na Mudança, ela conseguiu sensibilizar os organizadores da festa para reinventarem a logística dos pequenos blocos e mini trios. “Vale toda a forma de tração para conduzir os blocos e alegorias, só não vale usar os jegues, que não pediram para estar aqui. Sabemos que eles são sensíveis ao som alto e ao piso duro e irregular da zona urbana, inapropriado para seus cascos. Além de sofrerem toda a forma de maltrato, que sofre das pessoas ao longo do percurso”, justifica a parlamentar.

Ana Rita caminhou até o Campo Grande com um grupo de protetores de animais, reunidos por ela, ao som de uma banda de fanfarra. A União de Entidades Protetoras dos Animais da Bahia (Unimais), as ONGs Terra Verde Viva e Cuidar é o Bicho, além da Empresa Salvador Turismo (Saltur) apoiaram a manifestação. 




 


Notícias Relacionadas

  • Ana Rita Tavares comemora quarto ano sem animais na Mudança do Garcia

  • Cães e gatos precisam de cuidados especiais nos dias de verão

  • Vereadora discute letras ofensivas às mulheres em músicas do Carnaval 2018

  • Bloco da Causa Animal faz desfile inédito no Carnaval de Salvador

  • Campanha de combate à violência contra a mulher é lançada pela Câmara de Vereadores

  • Comissão da Mulher busca efetivação da Lei Antibaixaria no carnaval de Salvador

  • Ana Rita Tavares fala à Rádio Cruzeiro 590 AM sobre Carnaval e meio ambiente


  • ComentáriosComentar Notícia
    jose raimundo rocha
    12/04/2017 20:03
    Graças a deus e a luta destes protetores, os animais estão a salvo deste sofrimento. Agora é hora de nos unirmos e cpmeçar a luta pelo banimento dos fogos de polvora seca (as bombas) no são joão. que é um sofrimento terrives para caes , gatos e outros animais. alem de muitas malvadezas cometidas comessas bombas. Basta ter fogos de artificios e teraques de massas e chuvinhas e só. As bombas de polvora seca são realmente terriveis e o governo é quem controla atraves do exercito a distribuição da polvora, que ja matou muitas pessoas . Sendo assim com uma canetada o governo acaba com esse mal.


      Últimas Notícias

    Agressor de animais em Cajazeiras XI é detido em flagrante delito pela polícia

    Homem que acorrentava cães em Cajazeiras XI será processado

    Vereadora discute letras ofensivas às mulheres em músicas do Carnaval 2018

    Bloco da Causa Animal faz desfile inédito no Carnaval de Salvador

    Mais Notícias



    Mais Lidas

    Protetores de animais pedem serviço de atendimento móvel de urgência em Salvador

    Projeto de Ana Rita, Castramóvel já está pronto para funcionar

    Câmara de Salvador aprova projeto para a criação de hospital público veterinário

    Prefeitos de Salvador e Porto Alegre discutem implantação de Secretaria dos Animais


    Gabinete
    Edf. Sul América - 7º Andar
    Travessa D'Ajuda, 39 - Centro
    Salvador-BA - CEP:40020-030
    Telefone: 71 3320-0297
            

    Assessoria de Comunicação
    (71) 3320-0195